quinta-feira, 8 de agosto de 2013

2° Domingo de agosto, Vocação Matrimonial

Neste segundo domingo de agosto (10/ 08/ 2014), dia dos pais, celebramos a vocação matrimonial, a constituir família. O matrimônio é também uma vocação, um chamado de Deus. Iniciamos também hoje a Semana Nacional da Família 2013, com o tema "Transmissão e educação da fé cristã na família". 

A família é um dom de Deus. Ele a quer e a ama muito. Isso porque Deus é comunidade. A Trindade santa é uma comunidade de pessoas diferentes na ação, iguais em substâncias e unidas no amor. Do mesmo modo, o matrimônio une pessoas diferentes, com pensamentos distintos, mas vinculadas pelos laços do amor. A família é colaboradora de Deus porque na geração de filhos e na conservação da
criação faz o mundo ficar mais bonito e mais adequado à sobrevivência.

Deus é amor (cf. 1Jo 4,8) e nos quer amantes da vida, das pessoas e dele. O matrimônio faz do casal família de Deus. Santo Tomás de Aquino afirmava que o sacramento do matrimônio, tal como o da ordem, é um sacramento de serviço. Homem e mulher, unidos pelo amor e dispostos a constituir família com filhos, dão continuidade à obra criadora de Deus.

Pelo matrimônio constituímos família. Neste sacramento de serviço homem e mulher tornam-se uma só carne (cf. Gn 2,24) para embelezar o universo e estabelecer comunhão. Mas a base fundamental de toda família não deve ser o dinheiro, a ganância, os bens ou o sexo. Deus é o princípio e fundamento de  tudo quanto existe. A ele devemos louvar e bendizer. Por isso, a família,berço da fé e ambiente discipular, deve aprender a escutar a Palavra de Deus, praticar o amor e servir à Igreja e ao próximo.

Num mundo secularizado, onde as relações se fragilizam, fazendo com que o matrimônio pareça antiquado queremos com autoridade profética que nos vem de Deus anunciar o valor e a beleza da vocação matrimonial, da vida em família.



ORAÇÃO 
(VII Encontro Mundial das Famílias)
Ó, Deus, que na Sagrada Família nos deixastes um modelo perfeito de vida familiar vivida na fé e na obediência da vossa vontade, ajudai-nos a ser exemplo de fé e amor aos vossos mandamentos. Socorrei-nos na nossa missão de transmitir a fé aos nossos filhos. Abri seu coração para que cresça neles a semente da fé que receberam no Batismo. Fortalecei a fé dos nossos jovens, para que cresçam no conhecimento de Jesus. Aumentai o amor e a fidelidade em todos os casais, especialmente naqueles que passam por momentos de sofrimento ou dificuldade. Unidos com José e Maria, Pedimos-vos por Jesus Cristo vosso Filho, nosso Senhor. Amém!