domingo, 16 de agosto de 2015

3 domingo de Agosto: Dia da vocação à Vida Religiosa Consagrada


Saúdo-vos queridos consagrados, neste dia em que celebramos a assunção de Maria,  nosso modelo de consagração, á qual agradecemos pela intercessão em nossas dificuldades espirituais e temporais. Mas neste dia de grande alegria celebramos também o sim de cada um de nós candidatos à vida religiosa e de vocês religiosos consagrados para amar. Povo de Deus que se faz oblação
pelos que sofrem, como no poema de Dom Helder onde ele diz o seguinte: “como lidar com corações pisados, almas esmagadas, vítimas de roubos espirituais!?.... O melhor é nem falar, mas, pura e simplesmente sofrer juntos!...” Devemos ser candidatos, religiosos,
que não apenas falam, mas que saibam agir, que saibam ir ao encontro do povo de Deus caminheiro que muitas vezes não
consegue caminhar sozinho. Hoje não é só um dia de comemorar pelo o que cada um é, mas também pensar no que somos chamados a ser. Pois creio que não adianta nada um religioso que não vive em comunidade, que não vive seu carisma, que não dá testemunho da alegria do evangelho. Segundo nosso querido Papa Francisco os consagrados “são homens e mulheres que podem acordar o mundo. A vida consagrada é uma profecia”. Profecia no sentido de transformar todas as realidades estéreis e áridas sob o olhar fecundo e terno de Deus. Anunciar o Reino de Deus e experimentá-lo; anunciar os valores do Reino, os valores futuros que esse Reino traz. E é por isso que neste mês vocacional lembremo-nos do que nos chamou a esta vocação e levemos à alegria desse chamado as pessoas. E continuem sendo instrumentos de esperança, para quem não tem esperança! De alegria para quem não encontrou alegria. Enfim “a vossa vida que deve falar, uma vida da qual transparece a alegria e a beleza de viver o Evangelho e seguir a Cristo”. Que a exemplo de Maria, fiel modelo de seguidora, nós possamos ser sempre uma oferta de amor Ao Senhor, na pessoa de nossos irmãos. Que Deus os abençoe...


Postulante Gabriel Fernando Silva 

Nenhum comentário:

Postar um comentário